Menu

Corretor de CFD

AvaTrade  Admirals

XTB  IG

Pepperstone  

Rede social

ZuluTrade  darwinex

Criptomoedas

Binance  Coinhouse

Bitpanda

Conta financiada

FundedNext  FTMO

E8  The 5%ers

Fidelcrest  City Traders Imperium

Traders profissionais e traders a retalho: principais diferenças

Traders profissionais e traders a retalho

Os traders podem ser divididos em duas grandes categorias:

  • Traders profissionais
  • Traders de retalho

Embora ambos os grupos procurem lucrar com os mercados financeiros, a abordagem, os recursos e as estratégias que utilizam podem variar consideravelmente.

Este artigo examina as principais diferenças entre os operadores profissionais e os pequenos operadores, abrangendo aspectos como os conhecimentos, a tecnologia, a ajuda de terceiros (analistas, empregados, etc.), etc.

Principais lições - Operadores profissionais e pequenos operadores

  • Os operadores profissionais têm geralmente um nível mais elevado de formação, conhecimentos, educação e experiência em finanças e negociação.
  • Os pequenos investidores recorrem frequentemente ao auto-estudo e a recursos em linha.
  • Os operadores profissionais têm acesso a tecnologias avançadas, análises, plataformas de negociação sofisticadas e informações em tempo real, o que lhes dá uma vantagem sobre os pequenos operadores que têm um acesso limitado a estes recursos.
  • Os operadores profissionais beneficiam de redes de apoio, de colaboração e de uma melhor gestão dos riscos graças ao trabalho em equipa e ao acesso a um capital substancial.
  • Em contrapartida, os operadores individuais negoceiam frequentemente sozinhos e estão expostos a riscos mais elevados devido ao seu capital e recursos limitados.

Conhecimentos e experiência

A principal diferença entre os traders profissionais e os traders de retalho é o seu nível de conhecimentos e experiência.

Os traders profissionais têm normalmente formação em finanças ou economia e estão familiarizados com a análise de mercado, estratégias de trading e gestão de risco.

Muitas vezes, têm anos de experiência a trabalhar para instituições financeiras ou empresas de trading, o que lhes dá uma base sólida para navegar nas condições de mercado.

Em contrapartida, os traders individuais têm geralmente uma formação formal limitada e nem sempre têm a mesma experiência.

Muitos traders de retalho são autodidactas e aprendem através de recursos online, livros e tentativa e erro.

A formação é importante?

Embora a aprendizagem, a formação e a educação sejam muito importantes no trading, não existe nenhum programa universitário que o ensine directamente a tornar-se um trader.

É útil aprender finanças, matemática, contabilidade, codificação, economia, etc. e a universidade é um dos locais onde se pode aprender isto.

A universidade é um dos sítios onde se pode aprender isso. E entrar em instituições financeiras para se tornar um trader profissional ou gestor de fundos exige frequentemente um diploma universitário.

Mas, embora a maior parte dos investidores e operadores de sucesso sejam academicamente competentes, ter uma educação formal extensa não é normalmente muito importante porque é preciso concentrar-se nos mercados.

No fim de contas, a maior parte das pessoas aprende quando se vêem confrontadas com os mercados e utilizam essa experiência para aprender e fazer as coisas de forma diferente.

Praticamente todos os operadores e investidores bem sucedidos tiveram momentos nas suas carreiras em que cometeram erros muito dolorosos que lhes custaram muito dinheiro ou até os colocaram fora de jogo.

Mas estes momentos também podem ser instrutivos e conduzir a um profundo sentido de humildade e à percepção de que o que sabemos é pouco comparado com o que não sabemos e não podemos saber.

Acesso à tecnologia e à informação

O trading táctico é um jogo de informação e há sempre alguém do outro lado das suas transacções, que é provavelmente relativamente sofisticado.

É por esta razão que os pequenos investidores tendem a ficar significativamente atrás dos rendimentos do mercado como um todo.

A tecnologia também desempenha um papel fundamental no trading moderno, sendo as ferramentas avançadas e a informação em tempo real importantes para o sucesso.

Os operadores profissionais têm frequentemente acesso às melhores plataformas de trading, a ferramentas analíticas sofisticadas (muitas vezes propriedade da sua organização) e a redes de alta velocidade que lhes permitem tomar decisões mais bem informadas e executar transacções mais rapidamente.

Os pequenos investidores, por outro lado, dependem principalmente de plataformas de trading publicamente disponíveis, que nem sempre oferecem o mesmo nível de funcionalidade que as utilizadas pelos profissionais.

Além disso, os pequenos investidores podem não ter acesso a informações tão pormenorizadas em tempo real, o que os pode colocar em desvantagem quando tomam decisões de trading.

Acesso a produtos de negociação

Os traders de retalho podem estar limitados em termos de acesso aos produtos de trading.

Por exemplo, um trader individual pode não ter acesso a swaps e a várias formas de derivados exóticos (por exemplo, knock-in e knock-out) com a maioria dos corretores.

Apoio e colaboração

Os traders profissionais trabalham normalmente em equipas, rodeados de colegas e peritos que lhes dão apoio, aconselhamento e colaboração.

Esta rede de profissionais permite-lhes partilhar ideias, aprender com as experiências uns dos outros e tomar melhores decisões.

Os traders individuais não dispõem normalmente desta estrutura de apoio e negoceiam frequentemente sozinhos ou com assistência limitada.

Embora as comunidades de trading online possam oferecer algum grau de apoio, o nível de especialização e colaboração disponível para os pequenos traders é geralmente muito inferior ao dos traders profissionais.

Gestão de riscos e capital

Os traders profissionais são empregados por instituições financeiras ou sociedades de trading que lhes fornecem um capital substancial para efectuarem as suas transacções.

Este capital não só lhes permite tomar posições maiores, como também gerir melhor o risco, diversificando os seus investimentos.

Estes operadores estão também sujeitos a políticas rigorosas de gestão e controlo do risco, que ajudam a minimizar a probabilidade de grandes perdas.

Os pequenos investidores, por outro lado, negoceiam frequentemente com o seu próprio dinheiro e podem ter um capital limitado.

Este facto pode levar a um maior risco de perda, uma vez que podem não ser capazes de diversificar os seus investimentos ou gerir o risco de forma tão eficaz como os operadores profissionais.

Por outro lado, a gestão de grandes somas de dinheiro significa que os investidores profissionais têm

A oportunidade de ganhar a vida

Gerir uma grande quantidade de dinheiro também permite aos operadores profissionais ganhar a vida.

Os traders privados não têm normalmente esta vantagem.

Por exemplo, é normalmente muito difícil ganhar a vida a negociar 100.000 euros.

No entanto, mesmo um fundo de retorno absoluto ou uma empresa de trading com 25 milhões de euros em activos sob gestão pode normalmente gerar lucros de investimento e de trading de um só dígito todos os anos.

Com um trader e uma pequena equipa de apoio, isto é geralmente mais do que suficiente para ganhar a vida.

Os fundos de retorno absoluto de maior dimensão tendem a ganhar muito dinheiro apenas com as comissões de gestão.

Por exemplo, um fundo de retorno absoluto ou uma empresa de trading com 10 mil milhões de euros de activos sob gestão e uma comissão de gestão de 2% ganha 200 milhões de euros por ano, mesmo sem ter em conta as comissões de desempenho.

Regulamentação e cumprimento

Os traders profissionais estão sujeitos a um grau mais elevado de regulamentação e de cumprimento do que os traders a retalho.

Têm de seguir regras e orientações definidas por organismos reguladores, como a SEC ou a FINRA, que regem as suas acções e garantem práticas de trading éticas.

Os pequenos investidores, embora ainda sujeitos a determinadas regulamentações (por exemplo, day trading), estão geralmente sujeitos a menos requisitos de conformidade.

Isto pode ser tanto uma vantagem, permitindo uma maior flexibilidade nas estratégias de trading, como uma desvantagem, uma vez que os traders de retalho podem não ter o mesmo nível de responsabilidade e supervisão que os traders profissionais.

Brokers de contratos por diferença

CFD Brokers Plataformas Regulamentado pela Abrir uma conta de demonstração
MetaTrader 4 e 5
AvaOptions
ASIC, CBFSAI, FRSA, BVI FSC, FSCA, JFSA, OCRCVM AvaTrade
xStation 5 FCA, KNF, CySEC, BIFSC, CNMV, DFSAXTB
MetaTrader 4 y 5
cTrader
TradingView
FCA, ASIC, CySEC, BaFin, DFSA, SCB, CMAPepperstone
MetaTrader 4 et 5
Markets Webtrader
FCA, BaFin, ASIC, FINMA, FSCA, MAS, FMA, DFSA, JFSA, CFTCIG
MetaTrader 4 e 5 FCA, ASIC, CySEC, JSC, OCRCVM, FSCAAdmirals
ASIC: Austrália, BaFin: Alemanha, BIFSC: Belize, BVI FSC: Ilhas Virgens Britânicas, BACEN e CVM: Brasil, CySEC: Chipre, CNMV: Espanha, CMVM: Portugal, CSSF: Luxemburgo, CFTC: EUA, CBFSAI: Irlanda, CMA : Omã, DFSA: Dubai, FCA: Reino Unido, FINMA: Suíça, FSPR - FMA: Nova Zelândia, FRSA: Abu Dhabi, FSA: Seychelles, FSCA: África do Sul, JFSA: Japão, JSC: Jordânia, KNF: Polônia, MAS: Singapura, IIROC: Canadá, SCB: Bahamas, VFSC: Vanuatu
A negociação de CFD envolve um risco significativo de perda, pelo que não é adequado para todos os investidores. 74-89% das contas de pequenos investidores perdem dinheiro a negociar CFDs.

FAQ - Operadores profissionais e pequenos operadores

Como é que um operador individual pode adquirir conhecimentos e experiência semelhantes aos de um operador profissional?

Os pequenos investidores podem adquirir conhecimentos e experiência através de vários canais, como recursos em linha, cursos em linha, livros, personalidades conhecidas das redes sociais, canais do YouTube conhecidos e programas de mentoria.

Além disso, devem praticar as suas competências de trading em plataformas de trading simuladas (frequentemente designadas por paper trading) ou em pequenas contas reais para ganharem experiência prática.

A aprendizagem contínua, a actualização das tendências do mercado e a análise das estratégias dos operadores profissionais bem sucedidos também podem ajudar os pequenos operadores a melhorar as suas competências.

O que podem os pequenos investidores fazer para aceder a melhores tecnologias e informações?

Os pequenos investidores podem começar por pesquisar e comparar diferentes plataformas de trading para encontrar a que oferece ferramentas avançadas, software e funcionalidades adaptadas às suas necessidades.

Além disso, podem subscrever serviços de informação e de dados de alto nível, que fornecem informações em tempo real e análises aprofundadas.

A adesão a comunidades de trading online também pode ajudar os pequenos investidores a aceder a recursos e ferramentas partilhados, bem como a informações valiosas de investidores experientes.

Como podem os traders de retalho estabelecer uma rede de apoio semelhante à dos traders profissionais?

Os traders retalhistas podem estabelecer contactos com outros traders e especialistas do sector através de fóruns online e plataformas de redes sociais.

Participar em conferências e workshops é outra forma de contactar com pessoas que pensam da mesma forma e de adquirir conhecimentos.

A participação em concursos de trading online também pode proporcionar oportunidades de colaboração e feedback de colegas e profissionais do sector.

Que medidas podem os traders retalhistas tomar para melhorar a sua gestão do risco?

Os traders de retalho devem começar por se informarem sobre os princípios e técnicas de gestão do risco.

Em particular, devem familiarizar-se com o dimensionamento das posições, as ordens stop-loss, a diversificação e o reequilíbrio da carteira.

Desenvolver e seguir um plano de trading bem definido que destaque os parâmetros de risco pode ajudar os traders de retalho a gerir o risco de forma mais eficaz.

Além disso, a utilização de ferramentas e software de gestão do risco pode ajudar a monitorizar e a reduzir o risco.

Quais são os desafios mais comuns enfrentados pelos pequenos investidores que os investidores profissionais não enfrentam?

Os pequenos investidores enfrentam frequentemente desafios como o capital limitado, a dificuldade em gerir as suas emoções e a falta de formação ou educação formal.

Além disso, podem ter dificuldade em conciliar as suas actividades de trading com o seu emprego a tempo inteiro ou outras responsabilidades.

Os pequenos investidores podem também ter dificuldade em aceder a ferramentas de negociação avançadas, a informações em tempo real e a redes de apoio profissional, o que pode afectar a sua tomada de decisões e o seu desempenho global na negociação.

Conclusão

As diferenças entre traders profissionais e retalhistas podem ser consideráveis, com distinções em termos de conhecimentos, tecnologia, apoio, gestão de riscos e regulamentação a desempenharem um papel fundamental na definição das suas experiências de trading.

A maior diferença é muitas vezes simplesmente a mais óbvia: a sua profissão.

Os traders de retalho fazem frequentemente algo completamente diferente para ganhar a vida, enquanto os traders profissionais o fazem para ganhar a vida e têm anos, ou mesmo décadas, de experiência.

Enquanto os traders profissionais têm a vantagem de dispor de recursos avançados, de uma rede de apoio e de mais capital, os traders retalhistas podem beneficiar de uma maior flexibilidade e de menos requisitos de conformidade.

É importante que os pequenos investidores estejam conscientes destas diferenças e invistam continuamente na sua formação e desenvolvimento de competências.

Ao compreenderem as diferenças entre traders profissionais e retalhistas, os indivíduos podem tomar decisões mais informadas sobre o seu percurso de trading e estabelecer expectativas realistas.

Tanto os traders profissionais como os pequenos traders podem ser bem sucedidos nos mercados, mas é importante que cada trader reconheça as suas limitações e se esforce continuamente por melhorar as suas competências e conhecimentos.

Em última análise, o sucesso no trading resume-se a uma combinação de conhecimentos, dedicação, perseverança e adaptabilidade, quer se trate de um trader profissional ou de um trader individual.